09 novembro 2005

 

Sobre a Renovação Carismática Católica

O Pentecostalismo, de longa data presente no Protestantismo, teve seu despertar com o surgimento de novos movimentos no início do século XX, nos Estados Unidos, difundindo´se pelo mundo. A partir de 1967 penetrou na Igreja Católica com o nome de Renovação Carismática Católica ou Renovação no Espírito. O início deve´se a um grupo de professores e alunos da Universidade Católica da Pensylvania e da Universidade Católica de Indiana. Em 1967 realiza´se o primeiro Congresso do movimento. O movimento carismático chega ao Brasil em 1972 através dos jesuítas. Fala´se hoje de cerca 40 milhões de adeptos católicos no mundo, dos quais 30% na América Latina. Na sua organização, a RCC se apresenta em nível internacional com o ICCRO (= Internacional Catholic Charismatic Office ´ em Roma); ´ em nível latino´americano em Bogotá com realização de encontros cada 2 anos; ´ em nível nacional tem um conselho nacional de 15 membros, que se reúne 2 vezes por ano; ´ existem as equipes regionais de acordo com os Regionais da CNBB. A Comissão Nacional se encontra em Brasília e consta de 7 membros, que atende as equipes regionais, promove encontros nacionais e edita o Boletim Nacional.´ Em nível local o núcleo ou equipe de servos organiza reuniões. 2. Linhas Doutrinais A RCC deseja dar uma teologia trinitária, centrada porém na pessoa e missão do Espírito Santo. Jesus, em sua humanidade, recebe o Espírito e o envia. E a Igreja, como sacramento de Cristo, estende aos homens a unção do Cristo pelo Espírito Santo, que permanece na Igreja como perpétuo Pentecostes. A plenitude de vida no espírito é um bem comum da Igreja, embora nem todos se apropriem com igual intensidade. Sem Espírito e seus carismas não há Igreja. Neste sentido todo cristão deve ser carismático. Os ministérios são carismas de modo que não há oposição entre Igreja institucional e Igreja carismática. Propõe um sopro do Espírito Santo para os cristãos terem uma experiência pessoal e vida da presença e ação de Deus, fazendo´os reconhecer que Jesus Cristo é o Senhor de suas vidas, da Igreja e da história. Professa um novo Pentecostes, levando a uma vida nova, de acordo com o Espírito. Valoriza a oração individual e comunitária, principalmente de louvor, a partir da vida e da Palavra de Deus. Através de reuniões semanais e Seminários de Vida deseja evangelizar e aprofundar o estudo da Sagrada Escritura. Não pretende constituir uma estrutura, mas engajar´se nas estruturas já existentes da Igreja: CEBs, paróquias e dioceses. Põe´se a serviço da Igreja para a renovação espiritual. O plano de ação se desenvolve em diversos níveis com a associação dos servos, e procura se situar diante das realidades locais, buscando assim espiritualidade e atividades variadas, quase sempre fundamentadas no tripé: testemunho, perseverança e crescimento. 3. Avaliação É útil recordar que o Conselho Permanente publicou orientações, ressaltando tanto os pontos positivos, como negativos, chamando a atenção para alguns pontos considerados essenciais. O Documento 53 da CNBB: ´Orientações Pastorais sobre a Renovação Carismática Católica´ é um instrumento válido e claro para ajudar o Movimento a crescer e ser útil à Igreja. Resumimos alguns pontos. Aspectos positivos Assinalam´se os seguintes: a busca da oração individual e comunitária, o amor à palavra de Deus, a disponibilidade à vontade de Deus, a manifestação dos carismas, a maior união familiar, o sentido de louvor, a valorização do Espírito Santo, a redescoberta do papel de Maria, a freqüência aos sacramentos, e o surgimento de vocações sacerdotais e religiosos.

Comments:
Muito bom o Blog que Deus continue abençoando este trabalho!

deixarei o endereço do blog que organizo, desta forma uniremos força para uma melhor evangelização!

Um grande Abraço fique com Deus!

www.grupojovemdoitamarati.blogspot.com
 
09/12/2012-O CAMINHO DO RESSUSCITADO
Viver, dolorosamente, toda uma enormidade de tribulações, umas sobre as outras;
Manter-se de pé, alquebrada, novamente, sobrecarregada, com o peso da incompreensão;
Depor em Ti meus problemas, minhas dificuldades, minhas tribulações;
Buscar-Te, ainda mais avidamente, quando o peso parece ser insuportável;
Adentrar, novamente, no território do Mistério, descendo ao lugar onde tudo é só silêncio e sombras, para depois, preparar-me para a claridade da Ressurreição;
Recolocar-me em estado contínuo de oração, predispondo-me ao esvaziamento, para poder ouvir-Te melhor;
Compreender que só sobrevivi ao turbilhão, porque me mantive fiel e perseverante;
Porque sei que és o Deus único e verdadeiro, por isso, fiel e infalível;
Novamente, sentir Tua Presença sobre mim, Teu Amor, Teu olhar terno confortando-me e consolando-me;
Adentrar, no Caminho do Ressuscitado, é ter, cada vez mais, a certeza de que, no momento propício sobrevirá a Tua Presença, orientando nossas atitudes;
É viver o Mergulho derradeiro no Abismo do Mundo, para experimentar uma Presença que emergindo, ergue-nos, firmemente, para fora desse Abismo;
É reconhecer que essa Presença sempre emerge, sempre sobrevém, sempre se apresenta, quando tudo falhou, quando tudo parece ser derradeiramente fatal;
É poder viver a escuridão do Vale Sombrio, sabendo que a verdadeira Luz sempre surgirá.
 
Postar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?